Imagem relacionada

 Hoje gostaria,
 De ser como você
 Ão menos hoje.
 Ter sua bondade, 
Saber ser humano, digno
 Em sua simpliscidade.
 Hoje, Como gostaria de ser você, 
Pois és o aroma de todas as flores 
Que exla em tua beleza.
 Esta beleza,
Foi plantada, em seu coração 
É por ti, que vivo, que luto, 
És minha brisa, meu fruto. 
És minha laranja,
 Pois cada gomo que sai de ti,
 É um ensinamento para mim, 
És meu amor, és meu filho.
 ___Nós somos apenas nós, 
E Deus para te proteger.
 Eu amo você viu! 

12.10.2017


Resultado de imagem para gifs de mae e filho




HOLA SEJAM BEM VINDOS, MEU CARINHO SEMPRE A TODOS OS POETAS[AS]. .

Resultado de imagem para tubes femme
5:46 da manhã,
hoje é sabado, de sol
do dia 07.10.2017
hoje chorei.

chorei pelos anos perdidos,
ri pelas palavras floridas
encantei-me por sua lição
plantada em meu coração.

olhei pela janela,
vi o sol se pondo, tão belo
nunca li algo tão lindo...Judd.

Adornaste meu recanto,
como um campo de flores,
como pássaros, voei e sonhei!


sonhei vida
vida de paz
paz esquecida

neste dia
de sol poente
com nuvens brancas

desejo a você
poeta menino
pomares de flores.

sempre plante
amor e carinho
cantando como beija-flor,
este encanto, este amor!

___O Vinho,

Resultado de imagem para tubes de vinho 


O Pão,

Resultado de imagem para fotos de pão 
A Taça,
que brota de seu coração!

Jesus o fez...abençoado seja você,
obrigada de coração, não sei o porque
mas te peço Perdão''!

07.10.2017.

imagem google.
 






Alma, Corpo & Mente: Em Poesias & Versos
O que Deus determina, jamais o ser Humano Mudará!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos



Na arte da vida 
Nascem esperanças 
Inunda o coração 
Composto de bonanças. 
.
O sonhar inclui 
Momentos surtis, embargos 
Em sonhos dos sonhos. 
.
Simetria, galgando som 
Nas assas do mundo, voar 
Como mariposas, abraçando ar. 
.
Sensível partir, 
Nas folhas que voa, 
No embalo das tardes 
.
Sentimentos opostos, 
Vagueiam a mente, em marasmo 
Oiço o som, penso em ti 
.
Meu longínquo mar de borbulhas 
Recebido nas areias vermelhas 
Sugadas brumas de densas primaveras. 

10.08.217 
terreza
Enviado por terreza em 10/08/2017
Alterado em 10/08/2017

Música: Por una Cabeza Carlos Gardel - Carlos Gardel

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

.
x para orkut .
.





">





















"
REVELAÇÃO
Publicado por: roselves Alves
Data: 18/08/2016
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
POESIA : REVELAÇÃO
AUTORIA : ITSLIMA
VOZ : ROSELVES
GRAVADO NO STUDIO BERG
SER POETA
Publicado por: roselves Alves
Data: 21/04/2017
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
POESIA : SER POETA
AUTORIA : STERREZA
VOZ : ROSELVES
GRAVADO NO STUDIO BERG
UMA HOMENAGEM A POETISA STERREZA

BRANCAS AURORAS
Publicado por: roselves Alves
Data: 15/08/2016
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
POESIA : BRANCAS AURORAS
AUTORIA : STAREZZA
VOZ : ROSELVES
GRAVADO NO STUDIO BERG
UMA HOMENAGEM A POETISA STAREZZA
MEU MENINO PÁSSARO
Publicado por: roselves Alves
Data: 03/04/2016
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
POESIA : MEU MENINO PÁSSARO
AUTORIA : STERREZA
VOZ : ROSELVES
GRAVADO NO STUDIO BERG
UMA HOMENAGEM A POETISA STERREZA
SOU FELIZ
Publicado por: roselves Alves
Data: 14/08/2016
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
POESIA : SOU FELIZ
AUTORIA : ITSLIMA
VOZ : ROSELVES
GRAVADO NO STUDIO BERG
UMA HOMENAGEM A POETISA ITSLIMA
O jardim e o beija flor
Publicado por: Eemanuel
Data: 31/08/2014
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
Créditos:
POESIA : O JARDIM E O BEIJA FLOR
AUTOR : EEMANUEL
VOZ : ROSELVES
TRILHA SONORA : ORQUESTRA
UMA HOMENAGEM AO POETA EEMANUEL
PELO LINDO ENCANTAMENTO POÉTICO.
POESIA
Publicado por: roselves Alves
Data: 26/06/2017
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
POESIA : POESIA
AUTORIA : STERREZA
VOZ : ROSELVES ALVES
GRAVAÇÃO : DO LAR...
. . .
.
.
.